AMM busca recursos do governo federal para ajudar municípios

0
102

 

Em apoio aos prejuízos contabilizados na região por causa das chuvas, além do pedido da Famurs, também a AMM solicitou ao ministro da Integração Nacional 100 mil reais a fundo perdido

Novamente, a Associação dos Municípios das Missões (AMM) esteve na capital gaúcha para reivindicar auxílio aos municípios missioneiros, que foram fortemente prejudicados pelo excesso de chuvas. Desta vez, o encontro, que ocorreu na sede da Federação das Associações de Municípios do RS (Famurs), contou com a presença dos ministros da Integração Nacional, Helder Barbalho, do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, senadores, deputados e outras lideranças estaduais e federais.

Situação de emergência
Na região das Missões é grande o prejuízo e os estragos ocasionados pelas enxurradas, especialmente nas estradas e na agricultura. Dos 26 municípios missioneiros, 15 já decretaram situação de emergência: Bossoroca, Cerro Largo, Entre-Ijuís, Garruchos, Guarani das Missões, Pirapó, Porto Xavier, Rolador, Roque Gonzales, Santo Ângelo, Santo Antônio das Missões, São Borja, São Nicolau, Ubiretama e Vitória das Missões. “A meu pedido, em nome da AMM solicitamos ao governo federal o valor de 100 mil reais a fundo perdido, em apoio aos municípios da região que necessitam de auxílio imediato”, explicou Brasil Antonio Sartori, presidente da Associação dos Municípios das Missões e prefeito de Entre-Ijuís.

A Famurs entregou documento oficial ao ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, explanando que 151 municípios do RS estão em situação de emergência e mais de 94 atingindos pelas enchentes, totalizando um prejuízo de aproximadamente R$ 339.200.675,00 (trezentos e trinta e nove milhões duzentos mil, seiscentos e setenta e cinco reais). Neste sentido, entre outras revindicações, a Federação solicitou de forma emergencial a liberação desta quantia através de Medida Provisória, para a recuperação da infraestrutura pública atingida (estradas, pontes, pontilhões e boeiros) kits de ajuda humanitária, auxílio às famílias desabrigadas, recuperação do solo degradado e ações de recuperação de danos nas regiões mais afetadas pelas fortes chuvas, por meio de convênios a serem celebrados diretamente com os municípios.

Pressão Política
Cerca de 300 prefeitos gaúchos que participaram do encontro uniram forças e fizeram pressão política, muitos deles, indignados com situações anteriores que não foram solucionadas pela União e pelo Estado. Da região das Missões estiveram presentes o presidente da Associação e prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Antonio Sartori; os prefeitos de Garruchos, João Carlos Scotto; de Dezesseis de Novembro, Ademir Gonzato; de Santo Ângelo, Jacques Barbosa; de Roque Gonzales, João Haas; de Porto Xavier, Vilmar Kaiser; de São Nicolau, Ricardo Klein, além de vice-prefeitos e secretários municipais da AMM.

FOTOS: Divulgação